tropicana motel logo

RESERVAR AGORA

Termos e Condições

Condições Gerais de Venda

  • Não permitimos a entrada a menores de idade.
  • Todos os nossos quartos têm garagem privativa com acesso direto e exclusivo ao respetivo quarto.
  • Animais de estimação não são permitidos.
  • Os produtos dos mini-bares das nossas suítes não estão incluídos no valor do alojamento.
  • Todas as suítes são verificadas no check-out, qualquer dano causado e objeto partido ou em falta será cobrado.

Condições Gerais da Reserva

  • Recomendamos que coloque o seu telefone de contacto, que será usado apenas caso exista alguma questão urgente com a sua reserva.
  • O serviço de reservas tem um custo fixo de 15€, que está incluído no valor do alojamento.
  • O check-in será efetuado sempre na hora marcada pela reserva.
  • Se desejar prolongar a sua estadia deverá contactar a receção com a maior brevidade possível, será então informado sobre a possibilidade e custos adicionais.
  • Não é permitida a entrada de mais pessoas para além das selecionadas na reserva.

Política de Cancelamento

  • Reservas efetuadas para passagem de ano são tarifas não reembolsáveis, não poderão ser alteradas nem canceladas.
  • Os 15€ referentes ao serviço de reserva não são reembolsáveis.
  • Se cancelado 48 horas antes do check-in, possibilidade de remarcação ou reembolso do valor pago (exceto serviço de reserva), através da mesma forma de pagamento (exceto criptomoedas). Caso exista direito devolução dos pagamentos efetuados em criptomoedas, o reembolso será sempre efetuado em euros.
  • Pedidos de cancelamento com menos de 48 horas de antecedência ou não comparência, não há direito a reembolso.
  • Recolha e processamento dos dados pessoais agora recolhidos são para fins de gestão de reservas, gestão dos clientes e para efeitos de faturação e pagamentos.

Resolução Alternativa de Litígios

A resolução alternativa de ligitios é a possibilidade que todos os consumidores têm ao seu dispôr de recorrer e entidades oficiais que os ajudem na resolução, ou orientação de algum conflito, antes de abrirem processos litigiosos nos Tribunais. Regra geral, o procedimento é o seguinte: o cliente pede a um terceiro imparcial que intervenha como intermediário entre si e o comerciante que é o alvo da sua reclamação. O intermediário pode sugerir uma solução para a sua reclamação, impor uma solução a ambas as partes ou reunir as partes para encontrar uma solução.

Em caso de litígio de consumo, o consumidor pode recorrer à seguinte entidade de resolução alternativa de litígios de consumo:

CICAP – Tribunal Arbitral de Consumo